Novas Espécies

Entre 2014 e 2015, mais de 300 espécies de plantas e animais vertebrados foram descobertos na Floresta Amazônica. Os dados estão num novo relatório divulgado pelo WWF-Brasil em parceria com o Instituto Mamirauá.

Veja mais

Tapajós

(Español) A bacia hidrográfica do rio Tapajós abrange 492.000 km² nos estados de Mato Grosso, Pará, Amazonas e uma pequena porção de Rondônia, no Brasil.

Veja mais

Projeto Botos

O WWF, em parceria com instituições da América do Sul, está realizando uma iniciativa pioneira: pela primeira vez, organizações governamentais e da sociedade civil estão monitorando, via satélite, populações de botos nos rios da Amazônia no Brasil, Bolívia e Colômbia.

Veja mais

Madeira

A bacia hidrográfica do rio Madeira abrange uma área de cerca de 1,4 milhões de km2, e alcança porções da Bolívia, Brasil e Peru, formando uma extensa rede de drenagem. A bacia do rio Madeira representa 23% de toda a área da Bacia Amazônica.

Veja mais

Marañon

A Bacia do Rio Marañon, abrangendo 80% no noroeste do Peru e 20% ao sul do Equador, ocupa 358000 km² e é a sétima maior bacia afluente do Amazonas. Esta região contém um grande número de espécies endêmicas da flora e fauna, devido ao seu relativo isolamento.

Veja mais

Programa ARPA

Entre 2003 e 2009, o Brasil foi o responsável por 75% da expansão de áreas protegidas no mundo, sendo que uma parcela importante dessas novas áreas foi criada no âmbito do Programa Áreas Protegidas da Amazônia

Veja mais